Tireoide: como cuidar?

A maioria das pessoas que possui um tipo de distúrbio na tireoide não faz ideia de que está com esse problema. A tireoide apresenta dois tipos, o hipertireoidismo e o hipotireoidismo, e ambos apresentam sintomas que podem ser confundidos com outros tipos de condições médicas.

O hipertireoidismo e o hipotireoidismo apresentam diferenças significativas que você irá conferir a seguir.

Tireoide: como cuidar?

Tireoide: como cuidar?

O que significa possuir um distúrbio na tireoide?

Os distúrbios presentes na tireoide são condições que afetem a tireoide, uma glândula localizada na parte inferior do pescoço. A tireoide tem como papel principal regular numerosos processos metabólicos de todo o corpo. Existem diferentes tipos de distúrbios que podem afetar a estrutura ou a função desta glândula tão importante.

Qual a função da glândula tireoide?

A função da glândula é regulada por um mecanismo de autocontrole que envolve o cérebro. Quando os níveis de hormônio estão baixos, o hipotálamo produz um hormônio como liberador de tirotropina, que faz com que a glândula pituitária, localizada na base do cérebro, libere o hormônio estimulador da tireoide (TSH).

Quais os principais tipos de doenças da tireoide?

A tireoide pode sofrer quatro tipos de doenças. Entre elas, encontramos:

  • Hipertireoidismo: excesso de hormônio da tireoide;
  • Hipotireoidismo: falta de hormônio da tireoide;
  • Nódulos e Bócio benignos da tireoide (não cancerígenos);
  • Câncer da tireoide.

Alguns distúrbios comuns da tireoide, são:

  • Bócio;
  • Bócio congênito;
  • Bócio nodular tóxico;
  • Câncer na tireoide;
  • Carcinoma anaplasico da tireoide;
  • Carcinoma da tireoide medular;
  • Carcinoma papilar da tireoide.

Entre mais alguns outros tipos de distúrbios.

Sintomas

Os sintomas apresentados pelo hipertireoidismo, são:

  • Perda de peso;
  • Aumento de apetite;
  • Aumento da frequência cardíaca;
  • Palpitações cardíacas;
  • Aumento da pressão arterial;
  • Nervosismo e transpiração excessiva;
  • Evacuações mais frequentes, podendo apresentar diarreia;
  • Fraqueza muscular;
  • Desenvolvimento de bócio;
  • Alterações nos ciclos menstruais e fertilidade.

Os sintomas de hipotireoidismo, são:

  • Letargia;
  • Processos mentais mais lentos;
  • Depressão;
  • Frequência cardíaca reduzida;
  • Aumento da sensibilidade ao frio;
  • Formigamento ou dormência nas mãos;
  • Desenvolvimento de bócio;
  • Prisão de ventre;
  • Alteração dos ciclos menstruais e fertilidade;
  • Pele e cabelo secos;
  • Unhas quebradiças.

Como cuidar?

É necessário realizar alguns exames especializados para diagnosticar distúrbios na tireoide. Entre eles, estão:

  • Exames de sangue para medir os níveis de hormônios tireoidianos e TSH;
  • Exames de imagem para investigar o tamanho e a presença de nódulos na tireoide;
  • Biópsia aspirativa por agulha fina;
  • Cintilografia da tireoide.

Portanto, se você conhece alguém que apresenta esses sintomas, ou até mesmo você, indique ou procure um médico e realize os exames o mais rápido possível para garantir a preservação de sua saúde!

Cotação Online

Digite a quantidade de pessoas por faixa etárias de idade